Notícias

Mais Notícias...

Habilidades e Competências

Referenda-se que toda aptidão deve possibilitar conhecimento de saberes que, efetivamente, possam ser aplicados e dirigidos à solução dos problemas que se apresentarem, sejam estes de índole técnica ou de natureza ético-valorativa. Portanto, nos contornos desta proposta e, em acordo com as Diretrizes Curriculares, emergem as seguintes habilidades e competências:

a) leitura, compreensão e elaboração de textos, atos e documentos jurídicos ou normativos, com a devida utilização das normas técnico-jurídicas;

b) interpretação e aplicação do Direito;

c) pesquisa e utilização da legislação, da jurisprudência, da doutrina e de outras fontes do Direito;

d) adequada atuação técnico-jurídica, em diferentes instâncias, administrativas ou judiciais, com a devida utilização de processos, atos e procedimentos;

e) correta utilização da terminologia jurídica ou da Ciência do Direito;

f) utilização de raciocínio jurídico, de argumentação, de persuasão e de reflexão crítica;

g) julgamento e tomada de decisões;

h) domínio de tecnologias e métodos para permanente compreensão e aplicação do Direito.

 

À estas citadas habilidades e competências, agregam-se, nos contornos da idealidade desta proposta, as seguintes habilidades e competências:

 

- Adequado preparo para atender às demandas e dificuldades da dinâmica empresarial;

- Capacidade de entender, prevenir e mediar conflitos;

- Compreensão da dinâmica associativista, cooperativista e comunitária;

- Percepção e leitura da realidade que circunda o jurista;

- Capacidade de trabalhar e construir soluções coletivas nos diferentes momentos de sua atividade profissional;

- Capacidade de atuação na pesquisa científica e no desenvolvimento da Ciência Jurídica.